Home Universidades São Paulo Universidade Estadual de Campinas – Unicamp

Universidade Estadual de Campinas – Unicamp

Com 50 anos de história, a Unicamp oferece mais de 60 cursos de graduação, além de especializações em diversas áreas.

Publicado por Rafael Batista em São Paulo

Compartilhe

Unicamp conta com quase 10 mil funcionários
Unicamp conta com quase 10 mil funcionários

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), no interior de São Paulo, tem sua origem com um movimento popular de moradores da cidade que reivindicavam uma faculdade pública de Medicina na região. A campanha dos campinenses começou na década de 40 e no ano de 1963 o curso de começou a ser ministrado na Maternidade local.

Em 1966 o governo do estado de São Paulo decidiu fundar a Unicamp e oferecer outras graduações para os estudantes da região. Hoje a instituição é um centro estratégico para formação de mão de obra nas áreas de tecnologia e ciências naturais. 

Além de Campinas, a instituição conta ainda com outros dois campi em Limeira e em Piracicaba. A Unicamp possui ainda um centro de pesquisas em Paulínia e um Hospital em Sumaré. 

O corpo docente da universidade é formado por mais de 1.700 professores, a maioria deles doutores. Outros 8.500 servidores ajudam a colocar em funcionamento os 66 cursos de graduação que atendem mais de 18,6 mil alunos.

A Unicamp oferece 153 cursos de pós-graduação, entre Mestrados, Doutorados e Especializações. No Ranking Universitário Folha, a Unicamp foi classificada como a quinta melhor universidade do país. 

CAMPI

•    Campus Campinas
Campus Universitário Zeferino Vaz, s/nº, Cidade Universitária, Campinas – SP
http://www.unicamp.br/unicamp
(19) 3521-7000

Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências do Esporte, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Comunicação Social (Midialogia), Dança, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Agrícola, Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Computação, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, Estatística, Estudos Literários, Farmácia, Filosofia, Física, Matemática Aplicada e Computacional, Fonoaudiologia, Geografia, Geologia, História, Letras, Licenciatura Integrada (Química/Física), Linguística, Matemática, Medicina, Música (Composição), Música Erudita (Instrumentos), Música Popular (Instrumentos), Música (Regência), Pedagogia, Química e Química Tecnológica. 

•    Campus Limeira
Rua Pedro Zaccaria, nº 1.300, Limeira – SP
http://www.fca.unicamp.br
(19) 3701-6652

Ciências do Esporte, Engenharia Ambiental, Engenharia de Manufatura, Engenharia de Telecomunicações, Engenharia de Produção, Estradas, Gestão de Agronegócio, Gestão de Empresas, Gestão de Políticas Públicas, Gestão do Comércio Internacional, Nutrição, Saneamento Ambiental, Sistemas de Informação, Sistemas de Telecomunicações, Técnico em Edificações, Técnico em Enfermagem, Técnico em Geodésia e Cartografia, Técnico em Informática, Técnico em Mecânica, Técnico em Qualidade, Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Tecnologia em Construção de Edifícios e Tecnologia em Controle Ambiental. 

•    Campus Piracicaba
Avenida Limeira, nº 901, Piracicaba – SP
http://www.fop.unicamp.br ou info@fop.unicamp.br
(19) 2106-5200 

Odontologia.

INFRAESTRUTURA

Além de contar com Bibliotecas, Centro Esportivos e Laboratórios, a Unicamp tem uma infraestrutura composta por bancos, restaurantes universitários e lanchonetes, entre outros serviços. O Centro de Convenções tem capacidade para 800 pessoas e recebe eventos de diversas áreas.

O Hospital das Clínicas, em Campinas, conta 850 leitos e atende em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo e com o Ministério da Saúde. A Universidade é organizada em 10 institutos, 11 centros interdisciplinares, 12 faculdades, 12 núcleos interdisciplinares, 3 campi e 2 colégios.

FORMAS DE INGRESSO

•    Vestibular Tradicional
A Unicamp ainda realiza seu Processo Seletivo Tradicional, que é o principal meio de entrada na instituição. As provas, que acontecem uma vez no ano, é aplicada em cerca de 20 municípios paulistas e constituído por duas fases. A primeira etapa conta com redação e 48 questões objetivas sobre conhecimentos gerais. Já a segunda fase é realizada em três dias consecutivos, sendo composta por cinco provas com 24 questões dissertativas por dia. 

Para os cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança e Música os candidatos inscritos devem realizar Testes de Habilidades Específicas.

•    Sistema de Cotas 
A Unicamp reserva o percentual de vagas de 25% para pretos e pardos a partir de 2019, para estes serem reavaliados para os exames posteriores até que possa ser atingido a meta de ter entre os ingressantes o mesmo percentual da população autodeclarada preta e parda no estado de São Paulo.

Para se obter esse índice, 10% do total das vagas serão oferecidas via Enem e 15%, no mínimo, pelo Vestibular Unicamp. A adoção da reserva de vagas (cotas) vai contemplar todos os cursos de graduação e em todos os turnos.

Os candidatos autodeclarados pretos e pardos optantes pelo sistema de cotas, que tenham obtido nota superior à nota de corte do vestibular, serão convocados se houver número de candidatos suficientes, até que se alcance a meta.

•    Enem

As vagas oferecidas pelo Enem serão distribuídas da seguinte forma: 10% de estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas; 5% de estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas e sejam autodeclarados pretos, pardos ou indígenas. 5% de estudantes que sejam autodeclarados pretos e pardos. Assim, o total de vagas via Enem será de 20%. A seleção via Enem estará definida por meio de um edital específico.

  • PAAIS

O Programa de Ação Afirmativa e Inclusão Social (PAAIS) funciona assim: Na primeira e na segunda fase, serão adicionados pontos à nota dos candidatos que tenham cursado escola pública. Serão 20 pontos para aqueles que cursaram integralmente o ensino fundamental II em escolas públicas e 40 pontos para aqueles que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas. No caso dos candidatos que cursaram ambos os períodos na rede pública, a pontuação adicionada será de 60 pontos.

  • Vestibular Indígena

Será criado o Vestibular Indígena, a ser realizado em data diferente do Vestibular Unicamp, com duas vagas extras ou regulares nos cursos que aderirem ao Vestibular Indígena 2019. As vagas oferecidas nesta modalidade serão consideradas vagas adicionais na 1ª chamada do Vestibular Unicamp, preservando-se o número de vagas totais oferecidas pelo curso para as chamadas subsequentes. O ingresso será na mesma época de matrículas do vestibular tradicional.

  • Olimpíada científica

Até 10% das vagas extras ou regulares de cada curso que optarem por essa modalidade. Haverá a publicação de um edital separado para o preenchimento dessas vagas, que ocorrerá na mesma época de matrículas do vestibular tradicional.

  • ProFis

Foram sugeridos estudos para avaliar a viabilidade de abrir novas vagas para Campinas, bem como vagas nos cursos de graduação da Unicamp para os egressos do ProFIS.

PÁGINA ELETRÔNICA
Site | Vestibular 

REDES SOCIAIS
Facebook | Twitter |

VEJA TAMBÉM

1 2
  • UFMG divulga resultado do Vestibular 2018 EaD

    Está disponível o resultado do Vestibular 2018 EaD da UFMG. Informações sobre as matrículas estão previstas de serem liberadas a partir de amanhã, 17 de julho. Foram oferecidas 280 vagas, sendo metade para professores da rede pública de ensino. Também tiveram oportunidades reservadas para cotistas

  • 2ª chamada do ProUni 2018/2 é liberada

    Já está disponível a 2ª chamada do ProUni 2018/2. Até o dia 23 de julho, pré-convocados deverão comparecer às instituições de ensino em que foram aprovados para a comprovação das informações prestadas. Estudantes inscritos que não foram pré-selecionados ainda poderão participar da lista de espera.

  • Em São Paulo, Unitau prorroga inscrições do Vestibular de Inverno 2018 até amanhã (17)

    Foi prorrogada até amanhã, 17 de julho, o período de inscrições para o Vestibular de Inverno 2018 da Universidade de Taubaté (Unitau), em São Paulo. Provas agora acontecem no dia 22 seguinte.