1. Home
  2. Notícias
  3. MEC adota medidas para normalizar sistema de inscrições do SiSU 2019/1

MEC adota medidas para normalizar sistema de inscrições do SiSU 2019/1

Inscrições tiveram início ontem (22) e muitos estudantes relataram em suas redes sociais que o sistema estava apresentando instabilidade

Publicado por Érica Caetano em 23 de Janeiro de 2019 às 10:49 em Notícias

Compartilhe


O Ministério da Educação (MEC) divulgou que adotou medidas a fim de resolver a lentidão do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) 2019/1. 

As inscrições tiveram início ontem, 22 de janeiro, e muitos estudantes relataram em suas redes sociais que o sistema estava apresentando instabilidades, por conta do grande número de acessos simultâneos, o que estava dificultando a realização das inscrições.

O MEC informou que a instabilidade foi causada por um grande volume de acessos espontâneos na rede.

De acordo com o órgão, cerca de 25 a 30 mil acessos simultâneos eram recebidos nas edições anteriores, e na segunda-feira registrou picos de até 350 mil acessos simultâneos.

A recomendação da área técnica é que aqueles que passem por contratempos dessa natureza atualizem a página de inscrição antes de realizar o preenchimento dos dados.

Inscrições

O prazo para se inscrever no SiSU 2019/1 segue aberto até sexta-feira, 25 de janeiro. Para fazer o cadastro, é necessário que o candidato tenha feito as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018, cujas notas foram publicadas no último dia 18.

Inscreva-se no SiSU 2019/1
Acesse aqui as notas do Enem 2018

Somente serão válidas as inscrições dos participantes que obtiveram nota acima de zero na redação do Enem.

 

Os participantes do SiSU podem escolher até duas opções de cursos. Será possível mudar a escolha até às 23h59 de quinta-feira. Com isso, o candidato pode selecionar a graduação para a qual sua nota permite a classificação. 

Confira a lista de instituições que participam do SiSU

Uma novidade testada nesta edição foi a divulgação da nota de corte para todos os cursos em quatro momentos: 07h, 12h, 17h30 e 20h. No sistema anterior, a divulgação dos resultados se limitava a um horário (meia-noite), a partir do segundo dia de inscrição.

As notas mudam conforme a modalidade de participação (cotas ou ampla concorrência), número de inscritos para cada curso e quantidade de vagas oferecidas pela instituição.

Veja como funcionam as notas de corte do SiSU 

Nesta edição, serão oferecidas 235.476 vagas em 129 instituições de ensino públicas de todo o País. 

Resultado

Segundo o Edital do SiSU 2019/1, a previsão é de que a chamada regular seja publicada no dia 28 de janeiro. Os convocados deverão comparecer às instituições entre os dias 30 de janeiro e 04 fevereiro.

Os candidatos não aprovados em nenhuma das opções de vagas poderão manifestar interesse na lista de espera do SiSU entre os dias 28 de janeiro e 4 de fevereiro. Neste caso, os estudantes deverão indicar uma das duas opções escolhidas no momento da inscrição.

Ainda conforme o Edital, quem for aprovado em curso de segunda opção não poderá mais participar da lista de espera.

Leia mais sobre a Lista de Espera do SiSU

As chamadas da lista de espera serão divulgadas pelas próprias instituições de oferta das vagas. Neste caso, cada universidade deve divulgar editais, com prazos e procedimentos específicos.

Para mais informações, acesse o Edital ou o site do SiSU. 

VEJA TAMBÉM

1 2