Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Dicas
  3. Método de estudo: como adotar um?

Método de estudo: como adotar um?

Resolver exercícios, fazer anotações e utilizar a internet para pesquisas é o método de estudo mais utilizado pelos estudantes.

Publicado por Wanja Borges
Método de estudo varia conforme o estudante, contudo estratégias distintas podem ser unificadas em uma única rotina
Método de estudo varia conforme o estudante, contudo estratégias distintas podem ser unificadas em uma única rotina

Para garantir um bom desempenho na preparação para o vestibular, não basta simplesmente estudar. Saber administrar o tempo disponível, definir um método de aprendizagem e adotar um roteiro de estudos são fatores que também atuam decisivamente neste processo. Cada vez mais, os vestibulares estão cheios de estudantes que se dedicam integralmente ao objetivo de conquistar uma vaga no ensino superior, por isso, foco, dedicação e organização são de fundamental importância neste período. 

Estudar é fazer relações entre os conteúdos, por isso, assistir às aulas, revisar as matérias ministradas e fazer anotações sobre elas são os métodos de estudo mais adotados. Esse tipo de técnica obriga os estudantes a prestarem atenção nas aulas, apreender o conteúdo apresentado, e não só decorá-lo. Para facilitar a compreensão e estimular a memória visual, muitos estudantes abusam de palavras-chaves, desenhos e destaques nos cadernos. Já o resumo, normalmente, é estruturado em tópicos. 

Enquanto uma parcela de vestibulandos prefere se dedicar aos estudos integralmente durante a semana e reservar o final de semana para o descanso e lazer, outra opta por revezar as folgas durante os sete dias a fim de evitar o cansaço e o estresse. O importante é não exagerar nas pausas e, principalmente, não deixar o conteúdo acumular. Se preciso, reserve os 10 ou 15 primeiros dias de suas férias para revisar toda a matéria ministrada no semestre e aproveite os outros para relaxar. 

Outro método eficiente e muito utilizado é o pensamento em rede. Utilizar a internet para fazer pesquisas detalhadas, assistir a videoaulas e esclarecer dúvidas têm sido cada vez mais frequentes. No caso das obras literárias, por exemplo, muitos resumos são encontrados no mundo virtual, entretanto, ler o livro na íntegra é de fundamental importância para compreensão da história. Neste caso, não há problemas em reservar alguns minutos para o facebook ou twitter, desde que sejam usados com moderação. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Resolver exercícios e provas de anos anteriores, elaboradas pela mesma banca, também pode auxiliar o vestibulando a ter uma noção das abordagens adotadas nos vestibulares. O aconselhável é resolver as questões, verificar os acertos e erros, pesquisar as respostas e depois responder a prova novamente. Gravar as aulas em um MP4 ou gravador de voz para ouvir no ônibus, na fila do banco ou em casa também é outra estratégia.

Dividir os estudos por disciplina, organizar o tempo que será destinado para cada matéria, tirar dúvidas com professores ou plantonistas, usufruir dos materiais didáticos oferecidos pelas escolas e cursinhos e estudar com base no conteúdo programático das provas também são dicas válidas. O ideal é analisar quais matérias que o estudante possui mais facilidade e/ou dificuldade e destinar tempos diferentes para cada uma delas, conforme sua necessidade. O foco deve estar sempre nos conteúdos de mais difícil apreensão.  

Vale ressaltar que não existe uma forma certa de conduzir os estudos. As possibilidades são variadas e depende de cada vestibulando encontrar qual método se encaixa melhor no seu perfil. Em muitos casos, as estratégias se complementam, por isso, são utilizadas conjuntamente. Em outros, algumas delas são descartadas por não possuírem tanta eficácia para determinados estudantes, por isso, antes de elaborar um plano de estudo, o ideal é analisar qual a melhor forma de absorção do candidato. Depois de definido, é só colocar as mãos na massa.  

Veja também

Prazo para se inscrever no Vestibular 2020/1 da FPS é encerrado
A taxa de inscrição é de R$ 90, mas para o curso de Odontologia é de R$ 150 e para o de Medicina, R$ 395.

UFJF libera local de prova do PISM 2020
Mais de 40 mil estudantes vão fazer provas nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro em quatro cidades mineiras e em Volta Redonda (RJ)

Mais cinco universidades portuguesas aceitam o Enem
Estudantes brasileiros que fizeram exame educacional podem ingressar agora em 47 instituições de ensino de Portugal

Inep informa a anulação de uma questão do Enem 2019
O Inep afirma que a anulação de um item, ou mesmo a aplicação de provas com itens diferentes, não compromete o processo de estimação da nota das participantes.

PUC Minas solta resultado do Vestibular 2020/1
Candidatos selecionados devem fazer matrículas na semana que vem, nos dias 25 e 26 de novembro

UERR divulga resultado do Vestibular 2020
Os candidatos que desejarem interpor recursos contra o resultado preliminar do processo seletivo têm entre os dias 21 e 22 de novembro para as solicitações.

UPE divulga gabaritos da 3ª etapa do SSA 2020
Mais de 12 mil candidatos da terceira etapa se inscreveram na seleção, mas mais de 10% faltaram às provas

UFPB terá mais de 7,8 mil vagas no SiSU 2020
Para participar do Sistema de Seleção Unificada, é necessário que o candidato tenha feito as provas do Enem 2019

Cederj publica cartão com local de prova do Vestibular 2020/1
Interessados nas mais de 7,6 mil vagas devem fazer provas no próximo domingo (24), nos polos de oferta dos cursos de graduação

PUC-SP prorroga inscrições do Vestibular de Verão 2020
O processo seletivo está marcado para o dia 1º de dezembro, em São Paulo e em Sorocaba. Os estudantes deverão produzir uma redação e responder 81 questões objetivas de conhecimentos gerais.

UFMG abre inscrições do Vestibular 2020 dos cursos com habilidades específicas
Podem participar os estudantes que fizeram a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. O prazo vai até o dia 13 de dezembro. A taxa é de R$ 205.

Gabarito da primeira fase do Vestibular 2020 da Unesp já pode ser acessado
Eram esperados nesta etapa 95.440 inscritos, mas somente 88.194 participantes compareceram, o que resultou numa abstenção de 7,6% dos candidatos.