Logo Super Vestibular
  1. Home
  2. Dicas
  3. Energéticos durante o estudo: prós e contras

Energéticos durante o estudo: prós e contras

Uso de estimulantes para enfrentar a rotina de estudo tem sido cada vez mais comum entre vestibulandos.

Publicado por Wanja Borges
Bebidas energéticas devem ser consumidas com moderação durante o estudo
Bebidas energéticas devem ser consumidas com moderação durante o estudo

Recorrer às bebidas energéticas para aguentar a intensa rotina de estudos tem sido tão comum entre os jovens quanto passar noites em claro em decorrência do vestibular. Sinônimo de energia e estímulo, os energéticos são tidos muitas vezes como itens imprescindíveis no dia a dia dos vestibulandos, que muitas vezes desconhecem a composição dos produtos e, principalmente, seus malefícios, quando consumidos em exagero. 

Segundo dados federais apresentados pelos Estados Unidos, em 2011, a bebida energética foi citada como a principal causa de 20.783 atendimentos hospitalares de urgência, sendo que o maior grupo de pacientes estava na faixa dos 18 aos 25 anos.  No Brasil, entre 2006 e 2010, o crescimento do consumo desse tipo de produto foi de 325%, conforme pesquisa realizada pela Associação das Indústrias de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas (Abir). 

Enquanto bebidas energizantes, mais utilizadas por esportistas, possuem efeito isotônico e auxiliam na restauração do equilíbrio do organismo, as bebidas energéticas têm efeito estimulante e, se ingeridas indiscriminadamente, resultam em fortes efeitos colaterais como aceleração do batimento cardíaco, insônia e dependência. Vale ressaltar que, dependendo da dose e do organismo, as implicações podem ser ainda piores. 

Mesmo concedendo a falsa impressão de substituição do repouso, as bebidas à base de cafeína podem afetar diretamente a memória e a capacidade de concentração dos estudantes. Como esse tipo de bebida atua diretamente no Sistema Nervoso Central, para estimular o metabolismo da pessoa que o ingere, ela também pode agir no cérebro, retardando suas respostas e estímulos. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Vale lembrar que o estado de alerta é temporário, por isso, quando o efeito da bebida passa, o cansaço geralmente é ainda maior e, em consequência disso, dores de cabeça e queimação costumam aparecer, sem pedir licença. Composto por cafeína, taurina e inusitol, prioritariamente, os energéticos também podem contribuir para a perda de cálcio e magnésio, causando, futuramente, uma possível osteoporose. 

Se for para recorrer a esse tipo de produto para manter a energia, os estimulantes naturais, como o guaraná, gengibre e ginseng, são os mais aconselháveis já que alteram o estado fisiológico do ser humano, comparando-o ao momento que a adrenalina é liberada pelo sistema, sem tanta agressão. Contudo, mesmo com composições diferentes, o resultado é o mesmo se ingerido em excesso, por isso, a moderação é sempre o melhor remédio. 

Veja também

Inep registra mais de 320 mil pedidos de isenção de taxa no Enem 2020
O prazo segue aberto até o dia 17 deste mês. Vale lembrar que o prazo para solicitar isenção para o Enem provas tradicionais e para o Enem Digital é o mesmo.

Veja datas dos Vestibulares 2021 da Unicamp
Instituição divulgou cronograma dos processos seletivos tradicionais, via Enem, Indígena e por vagas olímpicas

Enem 2020: sistema para solicitação de isenção não está funcionando corretamente
Já no início do processo, quando solicitado o número do CPF do candidato e a data de nascimento, o estudante encontra erro, não conseguindo prosseguir no cadastro.

Inscrições para pedidos de isenção de taxa do Enem 2020 estão abertas
Os participantes precisam ter a documentação que comprove o direito à gratuidade da taxa de R$ 85. Vale lembrar que o prazo para solicitar isenção para o Enem provas tradicionais e para o Enem Digital é o mesmo.

Seleções dos Vestibulares 2020/2 do IFF estão suspensas
Instituto tomou medida devido à pandemia do novo coronavírus. Com isso, todo o cronograma está suspenso, inclusive as inscrições que seriam finalizadas na segunda (06)

UEM suspende Vestibular de Inverno 2020
A medida foi tomada respeitando as recomendações de isolamento domiciliar da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde.

Secretários da educação pedem adiamento do Enem 2020
UNE e Ubes também acreditam que provas do maior exame educacional devem ser alteradas

Enem Digital: aplicação do novo formato será ampliado para atender as 27 unidades da Federação
A medida está entre as demandas recebidas durante o dia de ontem pelo Inep, e tem como objetivo levar o Enem Digital, para todo o Brasil.

Cederj está com inscrições abertas para o Vestibular 2020/2
Os interessados podem se inscrever até o dia 14 de maio. A taxa de inscrição é de R$ 69 e poderá ser paga até o dia 15 seguinte.  

UERJ suspende calendário do 1º Exame de Qualificação (EQ) do Vestibular Estadual 2021
A UERJ comunicou ainda que um novo calendário será divulgado e, por isso, as datas anunciadas anteriormente deverão ser desconsideradas.

Edital do Enem 2020 é divulgado
Solicitações de isenção de taxa terão início no dia 06 de abril.

UECE terá novo prazo de inscrição do Vestibular 2020/2
Também será divulgado um novo cronograma de provas, já que o calendário atual foi suspenso devido da pandemia da covid-19.