Home Notícias MEC anula resultados de 13 participantes do Enem

MEC anula resultados de 13 participantes do Enem

Candidatos ingressaram em instituições públicas de ensino do Norte e Nordeste

Publicado por Silvia Tancredi em 12 de Setembro de 2017 às 16:43 em Notícias

Compartilhe

O Ministério da Educação (MEC) informou na tarde desta terça-feira, 12 de setembro, que 13 participantes de Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terão os resultados anulados por crime de fraude.

De acordo com o órgão, três estudantes participaram do Enem 2015 e os demais do Enem 2016. Eles estão matriculados em universidades federais das regiões Norte e Nordeste. A operação policial chama-se Jogo Limpo e foi deflagrada em novembro de 2016. Saiba mais

O MEC afirma que “notificará as instituições nas quais esses participantes estão matriculados para que tomem as medidas administrativas cabíveis”. 

Entenda os casos

Em 2015, três familiares fizeram o Enem em uma pequena cidade do Maranhão. Todos se inscreveram como sabatistas para estar na mesma sala. Conforme relata o MEC, no primeiro dia, o gabarito foi idêntico. Já no segundo, houve divergências. 

Com as notas do Enem, dois estudantes foram selecionados para vagas em Medicina e o terceiro para três outros cursos. 

No caso do Enem 2016, há dez indiciados por fraudar as provas e, com as notas, terem conseguido ingressar em instituições de ensino públicas para os cursos de Medicina e Odontologia.

O Ministério da Educação destaca ainda que está investigando casos de fraude no Enem de estudantes de Minas Gerais. A operação chama-se Embuste.

VEJA TAMBÉM

1 2