Home Notícias Enem 2015: Inscrições já passam de 2,5 milhões

Enem 2015: Inscrições já passam de 2,5 milhões

Expectativa do MEC é que esta edição chegue aos 9 milhões de candidatos inscritos até o fim do prazo

Publicado por Érica Caetano em 29 de Maio de 2015 em Notícias

Compartilhe

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgou na manhã de hoje, 29 de maio, em sua rede social, que a edição de 2015 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já registra 2 milhões 530 mil inscritos em seu sistema. A expectativa do Ministério da Educação (MEC) é que esta edição chegue aos 9 milhões de candidatos inscritos até o fim do prazo, no dia 05 de junho.

Inscreva-se no Enem 2015!
Veja como fazer a inscrição no Enem 2015

Este ano, o Enem possui algumas alterações. Dentre elas, está o aumento no valor da taxa de inscrição para R$ 63. Segundo o Ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, o aumento de R$ 28 na taxa será para pagar as provas dos participantes que não têm isenção de taxa, o que representou na edição passada  aproximadamente 25% do total de inscritos. O pagamento da cobrança será recebido até às 21h59 (horário limite recebido pela agência bancária) do dia 10 de junho, somente em agências do Banco do Brasil e também sem prazo de prorrogação.

É necessário que o candidato ao se inscrever fique atento a alguns detalhes, como a escolha da língua estrangeira de preferência, se deseja utilizar o Enem como certificado de conclusão do Ensino Médio, registrar um endereço de e-mail e número de telefone celular válidos, a cidade onde deseja realizar os testes e, por fim, se necessita de atendimento especial, específico ou ainda utilizar o nome social, já que nenhuma desses itens poderão ser alterados posteriormente.

Problemas no sistema de inscrição como lentidão e até mesmo ficando fora do ar foram registrados por estudantes que tentam fazer as inscrições no maior exame educacional do país. A recomendação do Inep é que os estudantes busquem fazer inscrições em horários alternativos, como o início da manhã e final da noite.

Isenções

Estão automaticamente isentos da taxa de inscrição os participantes que estão cursando este ano o 3º ano do Ensino Médio em escola pública. Também estão isentos de taxa, mas com necessidade de preencher declaração socioeconômica, os membros de famílias com renda mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou total de até três salários mínimos, além de participantes que cursaram todo o Ensino Médio na rede pública ou em colégio particular como bolsista integral e que possuem renda familiar per capita até 1,5 salário mínimo. 

Outra novidade em relação a isenção é que aquele estudante que realizar a solicitação de gratuidade de taxa este ano, for beneficiado e não comparecer as provas do Enem 2015, terá obrigatoriamente que efetuar o pagamento da mesma na próxima edição do Exame no ano seguinte, no caso 2016, se for participar.

Veja aqui as outras alterações no Edital do Enem 2015

As provas do Enem estão agendadas para os dias 24 e 25 de outubro. No primeiro dia serão realizadas as provas de Ciências Humanas e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, no total de 90 questões objetivas, e no segundo dia serão aplicadas as provas de Redação, Matemática e suas Tecnologias e Linguagens e Códigos.

Nesta edição também haverá prazo de 30 minutos entre o fechamento dos portões (13h) e o início das provas (13h30). Até o ano passado, o horário era o mesmo (13h). Os malotes de provas também serão abertos na frente dos participantes, ao contrário do que era feito anteriormente. Há também novas opções de atendimento especializado e específico. Outra novidade no Enem 2015 é que treineiros poderão testar o Enem Digital.

A inscrição no Enem 2015 permite que o candidato possa concorrer nas duas edições realizadas ao ano do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), para cursos técnicos, e do Programa Universidade para Todos (ProUni), que ocorrerão ainda este ano.

Além disso, também permite que o estudante solicite o financiamento estudantil em uma universidade privada por meio do Fies, conseguir certificado de conclusão do Ensino Médio (desde que a opção tenha sido feita no ato da inscrição do Enem), intercâmbio de línguas, através do Ciência sem Fronteiras, e por fim e o mais recente, ingressar em instituições de ensino superior em Portugal. Mais detalhes no Edital ou através do telefone 0800-616161. 

VEJA TAMBÉM

1 2