Artes Plásticas

Graduação em Artes Plásticas comprova que exercício da profissão vai muito além das habilitações em pintura e desenho.

Publicado por Wanja Borges em Artes e Design

Compartilhe

O profissional graduado em Artes Plásticas pode atuar em restauração de obras, instalações artísticas, galerias de arte e muito mais
O profissional graduado em Artes Plásticas pode atuar em restauração de obras, instalações artísticas, galerias de arte e muito mais

A necessidade cada vez mais constante de expressão artística e a predominância da imagem e da iconografia nos dias atuais têm favorecido diretamente o exercício da profissão de Artista Plástico. Representar o mundo real e/ou imaginário através de elementos visuais e táteis, cores e formas são alguns dos principais elementos que regem sua atuação. 

Utilizando de criatividade e ousadia para expressar ideias e sentimentos através de desenhos, pinturas, esculturas e colagens, o artista plástico pauta sua atuação não apenas no talento, mas principalmente nas técnicas, preceitos e normas adquiridos durante o ensino formal. Com um vasto campo de atuação, as Artes Plásticas vêm substituindo, cada vez mais, a imagem de hobby pela de profissão. 

 

Público-alvo
Autoconfiança, criatividade, determinação, habilidade manual, disciplina, autenticidade e senso crítico são algumas características importantes para o exercício da profissão de artista plástico. Além disso, sensibilidade artística e ousadia também contribuem para melhor desempenho do profissional. 

 

O curso
Normalmente, o estudante que se candidata a uma vaga no curso de Artes Plásticas é condicionado a um teste de aptidão antes do vestibular. A graduação, oferecida predominantemente como licenciatura, abrange disciplinas de desenho artístico, descritivo e geométrico, além de matérias básicas como história da arte, sociologia, semiótica, estética e comunicação visual.  Disciplinas práticas em desenho, pintura e animação gráfica também integram a grade curricular do curso. 

 

Duração média 
Bacharelado – 8 semestres
Tecnólogo – 6 semestres

 

Mercado de Trabalho
Com atuação quase restrita ao setor privado, a profissão de artista plástico vem ganhando destaque, principalmente com o crescimento no volume e reconhecimento de obras de arte brasileiras em outros países. Produções televisivas e agências de propaganda e marketing vêm demandando profissionais de artes plásticas com frequência para atuar na área de animação gráfica. O ensino em escolas do Ensino Fundamental e Médio ou em cursos livres é outro segmento que está em alta.  No setor público, novas oportunidades surgem com a criação de leis de incentivo à cultura. 

 

Formas de Atuação
O profissional graduado em Artes Plásticas pode atuar em restauração de obras, instalações artísticas, galerias de arte, museus e teatros como monitor, organizador de eventos, educador ou coordenador cultural. Outro segmento favorável é o de animação gráfica, no qual o profissional, por meio de técnicas de animação, editoração eletrônica e digital, produz vinhetas para TV e sites. Além disso, a graduação em Artes Plásticas normalmente conta com diferentes habilitações, a exemplo de pintura, escultura, gravura, desenho etc. Alguns profissionais preferem ainda atuar como professor de escolas ou cursos especializados, ou em curadorias de exposições ou trabalhos sociais.  

 

Campos de Atuação 
Escultura
(criação de formas tridimensionais com diversos materiais, como metais, pedra, madeira, argila etc.)

Ensino
(aulas de educação artística em escolas do ensino básico, em faculdades etc.)

Eventos
(seleção e classificação de obras de arte para a organização de mostras e exposições etc.) 

Gravura
(desenho de figuras em relevo sobre uma superfície plana de madeira, pedra, tecido ou metal para posterior impressão etc.) 

Multimídia
(elaboração de vinhetas, ilustrações ou desenhos animados para emissoras de TV, planejamento de exposição de obras interativas em museus e galerias etc.) 

Pintura e desenho
(Representação de formas em papel, telas ou paredes usando lápis, tinta, aquarela, pastel, esmalte, cera etc.)

Restauração
(recuperação de decorações e objetos de arte antigos ou deteriorados, mantendo suas características originais etc.)

 

Regulamentação da profissão 
No Brasil, a profissão de artista plástico ainda não é regulamentada, ou seja, o exercício da profissão não conta com regras, normas e conselho de classe fiscalizador. Todavia, ela é autorizada e reconhecida já que integra o Catálogo Geral de Profissões do Ministério do Trabalho. 

 

Remuneração média

R$ 1,2 mil a R$ 2 mil para profissionais recém-formados

 

Exigências para exercício da profissão
Não existe qualquer exigência para exercer a profissão de Artista Plástico, contudo, é desejável diploma de conclusão de curso de bacharelado, preferencialmente na área. 

 

A opinião de quem entende
O Super Vestibular quer saber como é a sua experiência como artista plástico ou estudante da área. Conte-nos!

VEJA TAMBÉM

1 2