Química

Considerada uma das ciências centrais do mundo, a química ganha destaque no mercado de trabalho devido à amplitude de oportunidades oferecidas.

Publicado por Wanja Borges em Ciências Exatas

Compartilhe

Para atuar na área de química, o profissional precisa ter curiosidade científica, habilidade numérica, atenção aos detalhes e curiosidade
Para atuar na área de química, o profissional precisa ter curiosidade científica, habilidade numérica, atenção aos detalhes e curiosidade

Partindo do pressuposto de que o átomo é um elemento químico que está presente em tudo que existe no universo, conclui-se que a química pode ser encontrada no nosso cotidiano, em coisas que nem imaginamos. Mais do que uma simples disciplina ministrada no ensino médio, a química é responsável pelo desenvolvimento de tecnologias constantes no nosso dia a dia e pelo funcionamento do nosso organismo.  

Considerada uma ciência de transformação, é a química que estuda a composição da matéria, assim como suas propriedades, transformações e combinações. O profissional graduado na área atua basicamente em laboratórios, na realização de experimentos e análises químicas, mas também pode atuar no segmento de ensino, da indústria e em várias outras áreas. O estudo da química afeta diretamente na melhoria da qualidade de vida da população.  

Perfil
Para atuar na área de química, o profissional precisa ter curiosidade científica, habilidade numérica, atenção aos detalhes, perseverança, concentração e curiosidade. Além disso, o interesse pela área de ciências e a facilidade com números são características primordiais para o exercício da profissão. Saber trabalhar em equipe e se manter informado sobre assuntos da área também contribuem para a atuação do profissional.  

O curso
Para seguir carreira em química, o profissional conta com três modalidades de formação: bacharelado, licenciatura e graduação tecnológica. A primeira destina-se basicamente para atuação na área de pesquisa, enquanto a segunda é direcionada para o segmento de ensino. Já a graduação tecnológica, geralmente, é para os interessados em atuar no ramo da indústria. Nas três opções, o cálculo encontra-se em peso, principalmente em disciplinas de química, física e matemática. Química orgânica, físico-química, química quântica, termodinâmica, química analítica, química industrial, dentre outras, também integram a grade curricular do curso. 

Duração média 
Bacharelado / Licenciatura – 8 semestres

Mercado de Trabalho
Atualmente, o mercado de trabalho na área química conta com uma demanda de oportunidades maior do que a oferta de profissionais. As áreas de produção de fármacos, biotecnologia, indústria química, petroquímica e nanotecnologia são algumas das que necessitam de químicos para realização de seus trabalhos. Além disso, o ensino, principalmente de nível médio, sofre uma séria carência de professores da área. Setores de necessidade básica, como de alimentos, higiene, saúde e cosméticos, também contam com boas oportunidades para profissionais graduados em química. 

Formas de Atuação
O profissional graduado em química pode atuar como professor, pesquisador e, ainda, como técnico ou analista em indústrias de petroquímica, borracha, plástico, tinta, alimentação, cosmético, têxtil, cerâmica etc. Além disso, o químico pode trabalhar com vendas, marketing e avaliações ambientais, inclusive montando o seu próprio negócio. 

Campos de Atuação 
Ensino
(aulas nos ensinos fundamental e médio; para a educação superior, é necessário pós-graduação)

Meio ambiente
(desenvolvimento e acompanhamento de técnicas de tratamento de resíduos industriais)

Pesquisa
(atuação em universidades e/ou institutos de pesquisa para produção de testes e publicação de artigos científicos) 

Química
(realização de testes a partir de evidências, perícias etc.)

Química industrial
(desenvolvimento de produtos e tecnologias para a indústria, avaliação de viabilidade técnica, manutenção de equipamentos etc.)  

Regulamentação da profissão 
Lei nº 2.800, de 18 de junho de 1956

Quantidade média de profissionais
100 mil profissionais graduados no Brasil em 2012

Remuneração média
R$ 2 mil a R$ 4 mil para profissionais recém-formados 

Exigências para exercício da profissão
Diploma de conclusão de curso de bacharelado ou licenciatura em Química;
Habilitação legal - Registro Profissional no Conselho Regional de Química.

A opinião de quem entende
O Super Vestibular quer saber como é a sua experiência como químico ou estudante da área. Conte-nos!

VEJA TAMBÉM

1 2