Home Notícias Novo Fies é sancionado e financiamento terá vagas sem juros

Novo Fies é sancionado e financiamento terá vagas sem juros

Modelo já vale para 2018 e terá 310 mil oportunidades. Saiba o que muda no programa.

Publicado por Lorraine Vilela em 07 de Dezembro de 2017 às 16:44 em Notícias

Compartilhe


O Novo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) foi sancionado nesta quinta-feira, 7 de dezembro. Entre as alterações para o programa estão a oferta de 310 mil vagas para 2018, sendo 100 mil sem juros

O ministro da Educação, Mendonça Filho, divulgou o Novo Fies em evento realizado no Palácio do Planalto. Para ele, o modelo que será adotado já em 2018 possibilitará o maior acesso de pessoas de baixa renda aos cursos superiores. 

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), as mudanças do Fies foram uma forma de manter o programa ativo. Segundo o órgão, o modelo antigo registrou aumento consecutivo na inadimplência, chegando aos 50,1%. Para Mendonça Filho, isso comprometia a concessão dos financiamentos. 

Novo Fies

O Novo Fies já vale na primeira edição de 2018. Quem teve contrato firmado até a metade de 2017 poderá optar pela migração para o novo modelo. 

Os participantes terão três opções de financiamento, os quais são separados por requisitos. Dentro das categorias do novo modelo, estudantes de baixa renda poderão concorrer às vagas com juros zero. 

FIES 1 - Fundo Garantidor
- 100 mil vagas distribuídas por todo o Brasil
- Fonte de recurso: Tesouro Nacional
- Juros zero com correção da inflação
- Prestações máxima de 10% da renda familiar
- Renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa

FIES 2 - Regional
- 150 mil vagas para Centro-Oeste, Nordeste e Norte
- Fonte de recurso: Fundos Constitucionais do Centro-Oeste, Nordeste e Norte
- Juros de acordo com o banco em que o financiamento for fechado
- Renda familiar mensal de até cinco salários mínimos por pessoa

FIES 3 - Desenvolvimento
- 60 mil vagas, havendo a possibilidade de aumento para 80 mil
- Fonte de recurso: BNDES e fundos de desenvolvimento regionais do Centro-Oeste, Nordeste e Norte
- Juros de acordo com o banco em que o financiamento for fechado
- Renda familiar mensal de até cinco salários mínimos por pessoa

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) continua sendo obrigatório para a participação no Fies, já que a seleção também leva em consideração as notas obtidas. É necessário ter feito uma das edições a partir de 2010 e ter nota igual a 450 nas provas e acima de zero na redação.

Antigo Fies X Novo Fies

Saiba o que mudou com o novo Fies:

Vagas

Antigo Fies: 225 mil vagas em todo o Brasil
Novo Fies: 310 mil vagas (160 mil para todo o Brasil e 150 para Centro-Oeste, Norte e Nordeste). Das nacionais, 100 mil são sem juros

Juros

Antigo Fies: juros de 6,5% ao ano
Novo Fies: juros zero para o Fies 1 e variável para as outras duas modalidades, dependendo do que for estabelecido pelo banco em que for feito o contrato

Tipos de contrato

Antigo Fies: 1 tipo de contrato e as mesmas regras para todos
Novo Fies: 3 tipos de contrato que variam conforme a renda e a região geográfica

Renda necessária

Antigo Fies: renda familiar mensal de até 3 salários mínimos
Novo Fies: renda familiar mensal de 3 a 5 salários mínimos

Carência (quando começar a pagar)

Antigo Fies: 18 meses de carência após o fim do curso
Novo Fies: Pagamento a partir do fim do curso, caso haja renda

Mais informações no site do MEC.

VEJA TAMBÉM

1 2