Home Notícias Inep divulga edital do Enem 2017

Inep divulga edital do Enem 2017

Inscrições começarão a ser recebidas a partir das 10h do dia 08 de maio

Publicado por Érica Caetano em 10 de Abril de 2017 em Notícias

Compartilhe

O Edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 foi publicado na edição de hoje, 10 de abril, do Diário Oficial da União (D.O.U.). Conforme o documento, as inscrições começam a ser recebidas a partir das 10h do dia 08 de maio. Os estudantes poderão fazer o cadastro até as 23h59 de 19 seguinte.

Confira o Edital do Enem 2017!

No documento, os participantes poderão encontrar as matrizes e as referências do Enem 2017, dados sobre as correções das provas e demais orientações sobre o Exame.

As provas do Enem 2017 serão aplicadas em 05 e 12 de novembro, dois domingos consecutivos, e não em um final de semana, como costumava acontecer. A medida foi tomada para não prejudicar os sabatistas, que precisavam aguardar até o pôr do sol em uma sala fechada para então começarem a fazer as provas.

No primeiro dia, serão aplicadas 90 questões sobre Ciências Humanas e Linguagens, além de uma Redação, que anteriormente, era feita somente no segundo dia. Com isso, no domingo seguinte, serão aplicadas 90 questões, desta vez sobre Matemática e Ciências da Natureza.

As provas serão distribuídas em todas as Unidades da Federação, conforme pode ser visualizado no Anexo I do Edital. 

Em relação às edições anteriores, o Enem deste ano apresenta mudanças:

- Taxa de inscrição

Desde 2004, os estudantes pagavam R$ 35 para fazer as provas. Em 2015, a taxa passou para R$ 63, em 2016 R$ 68, e este ano R$ 82. O aumento levou em conta a variação de preços pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e variações de anos anteriores que deixaram de ser aplicadas e parte da diferença entre o custo do exame e a taxa de inscrição. 

Os estudantes somente poderão fazer o pagamento até as 21h59 de 25 de maio. Elas serão recebidas em qualquer agência bancária, além de lotéricas e agências dos Correios.

- Isenção

Também foram feitas mudanças quanto as regras para a concessão de isenção de taxa. Os estudantes do 3º ano do Ensino Médio de escolas públicas continuam ganhando a gratuidade. A isenção também será concedida para estudantes de baixa renda inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e beneficiados pela Lei no 12.799, de 10 de abril de 2013.

A partir desta edição, a isenção para estudantes de baixa renda não será mais por autodeclaração. O sistema de inscrição será integrado ao CadÚnico e a isenção será concedida automaticamente quando o estudante informar o seu Número de Identificação Social (NIS).

Caso o candidato isento por carência falte às provas, salvo se justificar a sua ausência por meio de atestado médico ou outro documento oficial que comprove a impossibilidade do seu comparecimento, ele não poderá solicitar o benefício na próxima edição.

Os participantes do Enem 2016 que obtiveram a isenção e não fizeram as provas poderão obter a gratuidade no Enem 2017. Anteriormente, o benefício era perdido para as futuras edições no caso de ausência sem justificativa. A exclusão do benefício valerá a partir do Enem 2018.

- Certificação

Em relação a certificação, o Enem não vai mais certificar para o Ensino Médio, como o MEC já havia anunciado. O Ministério entende que o Exame não é adequado para essa avaliação. A certificação voltará a ser pelo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), como era até 2009. O Exame também não vai mais servir para avaliar o desempenho das escolas. Os resultados do Enem por Escola eram usados para a formação de rankings, os quais eram criticados pelo MEC e especialistas em educação.

- Atendimento Especializado / Específico

Outra novidade é que todos aqueles candidatos que ao se inscreverem, declararem que necessitam de atendimento especializado e/ou específico deverão apresentar seus respectivos documentos comprobatórios no ato da inscrição. O resultado dos laudos poderá ser conferido posteriormente na Página do Participante.

Aqueles que já apresentaram o documento em anos anteriores não precisam apresentar novamente. Participantes com deficiências visuais e auditivos terão recursos disponíveis como provas ampliadas e em Braille, ledor e transcritor, além da aplicação experimental de dispositivos em vídeos. 

Candidatos que informem a necessidade de atendimento especializado também poderão solicitar tempo adicional de uma hora no momento da inscrição e não mais ao fiscal, no momento da prova. Já aqueles que informem atendimento específico também poderão solicitar itens como bombinha (para portadores de asma), cadeira de rodas ou outra condição específica, no ato da inscrição.

- Dia das provas

As provas do Enem 2017 também serão aplicadas em dois domingos consecutivos, como já citado anteriormente, e não em um final de semana. São esperados cerca de 7,5 milhões de estudantes. A decisão foi tomada levando em conta os candidatos sabatistas e também o resultado da consulta pública realizada entre os dias 18 de janeiro e 17 de fevereiro. A maioria optou pela aplicação do Enem em dois dias em vez de um, mas em dois domingos seguidos. A redação também passará para o primeiro dia de provas.

Horário e locais das provas

Desde a edição de 2015, os portões passaram a ser fechados às 13h, mas os exames começam às 13h30. Nesse intervalo, os monitores e os seguranças poderão identificar os participantes. No primeiro dia, os testes encerrarão às 18h e no segundo às 19h.

Até 2014, o cartão de confirmação de inscrição, no qual constam os locais onde as provas são aplicadas, era enviado pelos Correios. Em 2015, o MEC optou por disponibilizar aos estudantes o documento para impressão por meio da página do Exame. E assim ocorrerá este ano novamente, visando uma economia de milhões na impressão de papel.

Estude com o Super Vestibular

O resultado do Enem 2017 será divulgado na data provável de 19 de janeiro de 2018. As notas poderão ser usadas no Sistema de Seleção Unificada (SiSU), Programa Universidade para Todos (ProUni) e Programa de Financiamento Estudantil (FIES).

O Super Vestibular disponibiliza material completo para se preparar para o Enem 2017. Aqui você encontra as correções comentadas das provas dos anos anteriores, avalia seus conhecimentos ao realizar o nosso simulado, confere as provas e gabaritos das outras edições, passa a entender sobre o funcionamento e o sistema de avaliação do Exame, entre várias outras dicas para aprimorar seus estudos. 

VEJA TAMBÉM

1 2